Relatório de pesquisa

Com o objetivo de atender ao princípio da transparência do uso dos recursos públicos pelo Governo Federal, o CNPq disponibiliza os relatórios de pesquisa apoiados com recursos financeiros por meio de suas chamadas públicas.

Trata-se, por um lado, de uma prestação de contas à sociedade dos recursos envolvidos no desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação e, por outro, da divulgação dos resultados das pesquisas desenvolvidas pelos cientistas apoiados pelo CNPq.

Os resumos disponibilizados neste espaço foram redigidos pelos pesquisadores, por solicitação do CNPq, em uma linguagem cidadã, ou seja, em linguagem que possa ser entendida por aqueles que não são cientistas.

O texto contido nos resumos dos projetos é de inteira responsabilidade do pesquisador e envolve um esforço de popularizar a ciência para o público leigo.

A busca poderá ser realizada de várias formas e fica a critério do interessado utilizar palavra-chave, área do conhecimento, por título da pesquisa, por área do conhecimento, Unidade da Federação, nome do pesquisador, entre outras.

  • Marcadores transcricionais de predição de complicações clínicas no diabetes mellitus

    Coordenador: Eduardo Antônio Donadi
    Currículo
    Área:Endocrinologia

    Período de 14/12/2011 a 14/10/2014

    O diabetes é uma doença causada pela falta de insulina, hormônio que coloca o açúcar dentro da célula para que ela tenha energia para funcionar. A falta desse hormônio causa um aumento de açúcar no sangue, o que faz mal a saúde das pessoas. Existem dois tipos principais de diabetes: o diabetes Tipo 1, que normalmente ocorre em crianças e adultos jovens, é caracterizado pela destruição das células que produzem insulina; e o diabetes Tipo 2, que ocorre geralmente em pessoas obesas com mais de 40 anos de idade, em virtude de maus hábitos alimentares, sedentarismo e estresse da vida urbana; onde a absorção de insulina é prejudicada pela obesidade, o que é conhecido como resistência insulínica. Por ser pouco sintomática, o diabetes, na maioria das vezes, permanece por muitos anos sem diagnóstico e sem tratamento o que favorece a ocorrência de complicações no coração, vasos sanguíneos, olhos, rins, nervos e dentes. O projeto intitulado: "Marcadores Transcricionais de predição de Complicações Clínicas no Diabetes Mellitus" tem como objetivo verificar diferenças e semelhanças existentes entre os pacientes com e sem complicações, para determinar um grupo de moléculas, chamadas de microRNAs, que estariam influenciando na manifestação das complicações do diabetes, com o intuito de auxiliar na prevenção dessas complicações.

    diabetes tipo 2 diabetes tipo 1 microangioapatias macroangiopatias micro-RNA
  • REDE DE PESQUISAS EM CARRAPATOS E PATÓGENOS TRANSMITIDOS POR CARRAPATOS

    Coordenador: Isabel Kinney Ferreira de Miranda Santos
    Currículo
    Área:Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores

    Período de 24/12/2009 a 23/12/2012

    O projeto criou bases de dados de mais de 30 mil genes e proteínas que cinco diferentes espécies de carrapatos expressam e produzem em suas glândulas salivares em diferentes situações biológicas. O projeto focou sobre as glândulas salivares de carrapatos porque a saliva dos carrapatos permite que se fixem num hospedeiro e suguem seu sangue; durante esse processo o carrapato traz danos ao hospedeiro e transmite doenças. O projeto mostrou que o nível de imunidade dos hospedeiros afeta a expressão de genes e produção de proteínas salivares e que os hospedeiros mais resistentes impedem que a glândula salivar do carrapato produza proteínas essenciais para inibir a coagulação, cicatrização de pele e imunidade do hospedeiro. Vacinas foram produzidas com coquetéis de algumas dessas proteínas e vários parâmetros da biologia dos carrapatos que se fixaram nos animais imunizados (bovinos, cães e camundongos) foram prejudicados, alguns de forma dramática (eficiência reprodutiva das fêmeas). O projeto mostrou que infecções com microorganismos em carrapatos mudam o perfil molecular de suas glândulas salivares.O projeto também criou uma base dados com genes que são expressos por larvas de carrapatos quando percebem os odores de diferentes mamíferos e raças de bovinos. O projeto focou esse aspecto porque os cheiros governam as preferências das diferentes espécies de carrapatos por seus hospedeiros naturais. Para desenvolver novos produtos de controle é necessário entender os mecanismos moleculares por meio dos quais a larva faz o reconhecimento dos hospedeiros. O projeto mostrou que os diferentes odores afetam a expressão de neuropeptídeos, neurotransmissores e respectivos receptores. Por outro lado, os odores não afetam a expressão de receptores de feromônios.O projeto estudou a expressão de genes na pele de bovinos picado por carrapatos; mostrou que bovinos geneticamente resistentes apresentam capacidade maior de inflamar e cicatrizar a pele e de produzir odorantes repelentes

    carrapatos Rickettsia vacinas ecossistemas proteoma genoma funcional
  • O Manuseio de Minério na Indústria da Mineração: Fundamentos e Engenharia

    Coordenador: Andre Luiz Amarante Mesquita
    Currículo
    Área:Mecânica dos Fluídos

    Período de 16/11/2012 a 13/08/2014

    Projeto de desenvolvimento de ensino de engenharia aplicável ao ensino médio ou ensino de graduação em engenharia, com característica de uso de bancadas virtuais e físicas.

    Mineração;engenharia mecânica;bombeamento
  • VIII Simpósio de Pós-Graduação em Ciências Florestais

    Coordenador: Rinaldo Luiz Caraciolo Ferreira
    Currículo
    Área:Manejo Florestal

    Período de 08/07/2014 a 07/07/2015

    O Simpósio de Pós-Graduação em Ciências Florestais, a partir de 2004, é realizado bianualmente e a sua oitava edição foi realizada de 22 a 24 de outubro de 2014 em Recife-PE, sob a promoção do Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais da Universidade Federal Rural de Pernambuco. O evento é um fórum de discussão sobre as diversas linhas de pesquisa na área de Recursos Florestais e Engenharia Florestal e oportunidade para alunos, professores, pesquisadores e profissionais se atualizarem e trocarem experiências. As palestras e trabalhos voluntários apresentados estão disponíveis para acesso livre em http://www.simposfloresta.pro.br/sistema/ocs-2.3.5/index.php/viiisimposfloresta/viiispcf/schedConf/presentations.

  • Gênero, Movimentos Populares e Promoção da Saúde

    Coordenador: Maria Cecilia de Mello e Souza
    Currículo
    Área:Processos Grupais e de Comunicação

    Período de 26/05/2011 a 25/05/2014

    Este projeto investigou como homens e mulheres que se empenham para melhorar as condições de vida nas comunidades se organizam dentro de suas comunidades e fora destas buscando recursos e estratégias de apoio ao seu trabalho comunitário. Homens e mulheres apresentam algumas diferenças na sua atuação, sendo que as mulheres focam mais na saúde e educação, com seu ativismo ampliando seu papel maternal para a comunidade. Estas lideranças comunitárias trabalham sozinhas ou em dupla ou tripla nas comunidades e seu trabalho ganha muita força quando se juntam a outras lideranças em redes, pois trocam experiências e informações e encontram pessoas, grupos e organizações que as apoiam.

    movimentos populares movimentos sociais gênero raça etnia
  • XXXVII Encontro Nacional de Física da Matéria Condensada

    Coordenador: Gustavo Martini Dalpian
    Currículo
    Área:Física da Matéria Condensada

    Período de 20/02/2014 a 19/02/2015

    Sugerimos a leitura do texto divulgado na página da Sociedade Brasileira de Física, na aba 'acontece'. O texto pode ser acessado no linkhttp://www.sbfisica.org.br/v1/index.php?option=com_content&view=article&id=550:enfmc-2014-e-futuros&catid=152:acontece-na-sbf&Itemid=270

    Física Atômica e Molecular Biofísica Ótica Física Estatística Física da Matéria Condensada Física Médica
  • Desenvolvimento e estudo da estrutura eletrônica de células fotovoltaicas híbridas nanoestruturadas

    Coordenador: Jonder Morais
    Currículo
    Área:Superfícies e Interfaces; Películas e Filamentos

    Período de 22/12/2011 a 21/10/2014

    A luz solar é a fonte mais importante de energia renovável e representa a única fonte de energia inesgotável disponível. A energia solar recebida pela Terra durante um excede por milhares de vezes o consumo mundial anual. A conversão de energia solar em energia elétrica tem sido feita tradicionalmente utilizando células fotovoltaicas baseadas em silício (90% do mercado), porém, ainda é necessário desenvolver novos materiais e modos de conversão. Neste projeto propomos desenvolver células fotovoltaicas híbridas nanoestruturadas, contendo polímeros com nanopartículas metálicas colocados sobre um filme de ZnO. Durante nossa pesquisa desenvolvemos uma metodologia mais simples de fabricação de nanopartículas, filmes poliméricos e de ZnO, e ao mesmo tempo menos agressiva ao meio ambiente devido à baixa produção de resíduo tóxico. Utilizamos métodos avançados de caracterização para entender os materiais obtidos. Por exemplo, descobrimos que as nanopartículas possuem alguns nanometros de diâmetro (1 nm = 0,000000001 m) e que podem se oxidar mesmo envoltas pelo filme polimérico. Além disso, o filme de ZnO é constituído por colunas verticais com alguns nanometros de diâmetro. Assim, iniciamos o estudo de estruturas básicas de células fotovoltaicas híbridas nanoestruturadas.

    síncrotron ZnO XPS nanoestruturas células fotovoltaicas hibridas
  • Internet, espetáculo e geração de valor pelo trabalho semiótico reticular

    Coordenador: Marcos Dantas Loureiro
    Currículo
    Área:Teoria da Comunicação

    Período de 28/12/2012 a 27/12/2014

    Para milhões de pessoas, a internet parece um espaço de entretenimento, diversão e busca de informação. Mas enquanto essas milhões de pessoas estão despreocupadamente digitando em computadores e smartphones as suas mensagens, algumas corporações empresariais estão ganhando muito dinheiro com isso. Facebook e Google são os exemplos mais conhecidos. Considerando que elas parecem oferecer os seus serviços gratuitamente, como ganham tanto dinheiro? Elas lucram com o trabalho gratuito que essas milhões de pessoas realizam para essas corporações. Pode-se dizer: mais-valia 2.0. Esta pesquisa busca entender como, dentro do cenário maior daquilo que o pensador francês Guy Débord denominou "sociedade do espetáculo", milhões de pessoas parecem funcionar como os 99% que contribuem para o enriquecimento de 1%, parafraseando a fórmula popularizada no "Occupy New York".

    internet Trabalho concreto trabalho artístico trabalho semiótico sociedade do espetáculo economia dacultura
  • INOVAÇÃO EM SERVIÇOS E SUSTENTABILIDADE: PREMISSAS DE

    Coordenador: Anita Kon
    Currículo
    Área:Economia Industrial

    Período de 18/12/2012 a 17/12/2014

    O Projeto de Pesquisa proposto teve como objetivo examinar sob a ótica da Economia Política alguns aspectos ainda não explorados sobre as características e funções específicas das inovações nas atividades de serviços. Foram investigados de que maneira e em que grau a inovação em serviços atua como elemento imprescindível para a operacionalização da produção de todos os setores da economia, ampliando a capacidade de competitividade doméstica e internacional, e induzindo ao processo estrutural de desenvolvimento econômico. Examinará em sequência a capacidade de inovação que resulta em processos e atividades caracterizados pela sustentabilidade e que induzam ao desenvolvimento sustentável do país. A partir das premissas teóricas foi estudado o relacionamento entre a natureza das inovações nas atividades de serviços e a sustentabilidade, observando os aspectos institucionais que visam apoiar a inovação em serviços que levem à sustentabilidade. Os aspectos teóricos adotaram como base os corpos teóricos da Teoria Evolucionista, Nova Economia Institucional e Teoria do Desenvolvimento sustentável. A pesquisa examinou empiricamente a situação brasileira da inovação em serviços e da busca do desenvolvimento sustentável, com base nas pesquisas do IBGE, Pesquisa de Inovação Tecnológica (PINTEC), Pesquisa de Inovação nas Empresas Estatais Federais e Pesquisa Anual de Serviços (PAS), para o período mais recente de 2002 a 2012.

    Economia serviços inovação desenvolvimento sustentabilidade
  • Comunicação e Cidadania: práticas radiofônicas do Movimento Sem Terra (MST)

    Coordenador: Valdir Jose Morigi
    Currículo
    Área:Teoria da Comunicação

    Período de 10/12/2012 a 09/12/2014

    A cidadania comunicativa é investigada a partir da ação dos sujeitos que atuam na Rádio Terra Livre FM, prática comunicacional desenvolvida e um assentamento conquistado pelo Movimento Sem Terra (MST). Os fundamentos do estudo baseiam na articulação de três eixos teóricos: cidadania, movimentos sociais e comunicação. Foi utilizado o método qualitativo. A etnografia e a pesquisa participante compõem a construção metodológica, em conjunto com outros procedimentos, como a entrevista, o diário de campo, a análise documental e o estudo de caso. Assim, a construção da cidadania comunicativa se ancora nas mediações dos programas produzidos na prática radiofônica e na ação dos comunicadores e de dois documentos de comunicação, os quais apresentam as relações entre a emissora e as demandas do MST. Os dados demonstram que os comunicadores constroem a cidadania a partir: das motivações que efetivam suas práticas; da relação, negociação e do enfrentamento entre a emissora, o Estado e o mercado; dos níveis de participação e dos sentidos de cidadania em disputa no contexto da emissora; da comunicação popular e comunitária. Assim, a Rádio Terra Livre FM se efetiva como espaço de debate, composto por formas diversificadas de participação, de interesses comuns; por motivações e demandas que se constituem como força de combate às regulações que impedem a prática dos comunicadores, bem como a própria construção da cidadania comunicacional.

    cidadania Movimentos Sociais Movimento Sem Terra (MST) cidadania e comunicação
  • Mostrando 1 - 10 de 46673 resultado(s).
  • Página: 
  • Primeiro 
  • Anterior 
  • Próximo 
  • Último